Reações ao empate do Cruzeiro têm bronca, abraços de Autuori, vibração no vestiário e buzina


Cruzeiro busca empate, após derrota por 2 a 0 no primeiro tempo, e mantém vantagem na final do Campeonato Mineiro O Cruzeiro conseguiu uma recuperação decisiva nas pretensões ao título do Campeonato Mineiro. Depois de sair perdendo por 2 a 0 no intervalo, conseguiu reagir no segundo tempo e garantir o empate por 2 a 2 que o mantém em vantagem na decisão. Entre o gol de empate e o fim do jogo, houve vibração no vestiário pela reação.
Vestiário do Cruzeiro tem vibração com gol de empate marcado por Dinenno
+ ✅ Clique aqui e siga o canal da torcida do Cruzeiro no WhatsApp!
Mais notícias do Cruzeiro
Análise do Cruzeiro: Larcamón arrisca título, mas corrige rota e recupera vantagem
Larcamón elogia reação do Cruzeiro, justifica saída de Zé Ivaldo e cobra zagueiro por cartões
Atlético-MG 2 x 2 Cruzeiro | melhores momentos | final jogo 1 | Campeonato Mineiro
Com o gol de Dinenno, aos 49 do segundo tempo, houve gritos e aplausos no vestiário do Cruzeiro. Membros do staff do clube comemoraram bastante o gol da igualdade.
Paulo Autuori cumprimenta Nicolás Larcamón
Gabriel Duarte
Até mesmo a buzina do ônibus que levou a delegação foi acionada para comemorar o gol na Arena MRV. O Cruzeiro saiu de um primeiro tempo que poderia até ter levado mais de dois gols para um empate conquistado nos acréscimos.
Na saída dos jogadores em direção ao vestiário, Paulo Autuori, diretor técnico do Cruzeiro, também recebeu os atletas, como costuma fazer em outros jogos. Distribuiu abraços e cumprimentos a Larcamón e ao elenco.
Lucas Silva cumprimenta Paulo Autuori
Gabriel Duarte
Bronca no vestiário
A saída da delegação da Arena MRV foi tranquila. Na conversa com os jornalistas, os jogadores comentaram o que foi falado no vestiário para o Cruzeiro mudar no segundo tempo. Lucas Silva comentou que era preciso esquecer tudo que foi feito no primeiro tempo.
– (A conversa foi) voltar completamente diferente do que a gente fez no primeiro tempo. Era um pouco mais de tranquilidade e conseguir encaixar um pouco melhor na criação e tocar um pouco mais a bola. Foi assim que a gente conseguiu o primeiro gol. Depois conseguimos um pouco mais de tranquilidade, principalmente ganhar os duelos individuais e assim foi que a gente cresceu na partida – disse Lucas Silva.
O zagueiro Zé Ivaldo, primeira mudança de Larcamón para o segundo tempo, comentou que o elenco levou uma bronca no intervalo.
– Foi no intervalo, porque combinamos uma coisa e não conseguimos fazer no primeiro tempo. Ele está certo em cobrar a gente. Nós nos fechamos no túnel antes de subir (para o segundo tempo) para fazer o que ele pediu, e deu certo – disse Zé Ivaldo em entrevista à rádio Itatiaia.
Dinenno comemora gol em Atlético-MG x Cruzeiro
Agif
Com o empate de 2 a 2, na Arena MRV, o Cruzeiro segue com vantagem na final do Campeonato Mineiro. Levará o título até com um novo empate.
Assista: tudo sobre o Cruzeiro no ge, na Globo e no Sportv
🎧 Ouça o podcast ge Cruzeiro 🎧

Veja também  24 senadores votam pela extinção das cotas raciais, mas emenda é rejeitada; veja lista

Powered by WPeMatico

Origem da Noticia
https://ge.globo.com/futebol/times/cruzeiro/noticia/2024/03/31/reacoes-ao-empate-do-cruzeiro-tem-bronca-abracos-de-autuori-vibracao-no-vestiario-e-buzina.ghtml
Autor:

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: