Sem Cauê, Vasco sofre derrota para São Paulo em casa, pelo NBB


Tricolor paulista venceu o Vasco por 80 a 70; Paulichi foi o cestinha da partida com 22 pontos Mesmo com a torcida vascaína em peso em São Januário, o Cruz-maltino sofreu uma virada no terceiro período e perdeu para o São Paulo, por 80 a 70, na noite deste sábado. Sem o armador Cauê Verzola, o time de Léo Figueiró chegou bem na partida, mas perdeu força no final. Em 11º lugar no NBB, o Tricolor paulista, que vinha de duas derrotas seguidas fora de casa, conseguiu uma vitória gigante contra o 4º da tabela, com atuações de destaque de Siewert, Fischer e Bennett.
Siewert e Bennett comemoram ponto contra Vasco
Mauricio Almeida/Vasco da Gama
+ Confira a tabela do NBB 2023/24
+ ge ganha canais no WhatsApp de esportes olímpicos; veja como participar!
Alê Vernizzi chegou a entrar em quadra por poucos segundos para substituir Cauê, mas a ausência do armador, que sofreu uma lesão no pé, foi um desfalque importante para a derrota da equipe carioca. Essa foi a primeira derrota do Vasco nos últimos dez jogos.
O time do técnico Léo Figueiró entrou em quadra com Eugeniusz, Humberto, Marquinhos, Paulichi e Serjão. Já o São Paulo contou com o quinteto inicial composto por Fischer, Bennett, Miller, Ansaloni e Siewert.
O Jogo
Serjão começou a partida com uma bela cesta de dois, com assistência de Eugeniusz. Paulichi emendou mais dois pontos com uma cravada. Miller enfrentou a marcação e abriu o placar para o São Paulo. Bennett igualou e as equipes seguiram parelhas, até Ansaloni fazer uma de três e o Tricolor paulista tomar a frente no jogo. Paulichi pontuou pelos anfitriões, mas Siewert fez mais uma de três para os visitantes. Com a primeira bola de três pontos da equipe, Paulichi colou no placar e o Vasco encerrou o período atrás, em 13/14.
Coelho e Marquinhos disputam a bola em São Januário
Mauricio Almeida/Vasco da Gama
Marquinhos e Gustavo Basílio animaram a torcida chegando com tudo ao segundo quarto, igualando e, em seguida, tomando a liderança no placar. Marquinhos e Paulichi seguraram a vantagem, enquanto o técnico Bruno Mortari colocou Tyrone em quadra, para tentar a virada. Bennett e Fischer somaram mais cinco pontos para os visitantes, chegando em 28/25. Mas o Vasco estava irrefreável, e Marquinhos e Serjão ampliaram a distância novamente, indo para o intervalo em 36/29.
Paulichi crava pelo Vasco
Mauricio Almeida/Vasco da Gama
Miller abriu para o São Paulo com uma cesta de três, mas Fabrício devolveu imediatamente. O Tricolor voltou muito bem à partida, com quatro pontos de Bennett, que fez Léo Figueiró pedir tempo. Fischer virou o jogo em 40/39. O Vasco precisou correr atrás, já que tinha ido ao intervalo com sete pontos de vantagem. Marquinhos retomou a liderança para os anfitriões. Marquinhos, Ansaloni e Miller esquentaram o placar com três bolas triplas. Em 49/49, Humberto conseguiu a falta marcada e converteu dois lances livres a 0,5 segundos do fim, fechando o período em 51/49.
Bennett barra Marquinhos em partida do NBB
Mauricio Almeida/Vasco da Gama
No último período, Siewert e Fischer abriram o placar com seis pontos para o São Paulo. Eugeniuzs acordou a torcida com uma bela bandeja. Ansaloni converteu mais dois lances livres e FIscher fez mais três pontos para o São Paulo. Com bola de dois pontos de Serjão e dois lances livres bem executados de Eugeniusz, o time engrenou uma reação a poucos minutos do fim do jogo. Marquinhos e Paulichi reduziram a diferença para três pontos, mas Tyrone acertou dois lances seguidos e embalou a vitória do Tricolor, que fechou o jogo em 80 a 70.
Termômetro olímpico traz o resumo das notícias da semana

Veja também  Perolas Negras goleia o Duque de Caxias na estreia do Carioca feminino

Powered by WPeMatico

Origem da Noticia
https://ge.globo.com/basquete/nbb/noticia/2024/03/30/sem-caue-vasco-sofre-derrota-para-sao-paulo-em-sao-januario-pelo-nbb.ghtml
Autor:

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: