Taylor Swift lança regravação do álbum  ‘Speak Now’ com 6 novas músicas; veja curiosidades


Disco conta com participação de Hayley Williams, do Paramore, e do Fall Out Boy em músicas divulgadas nesta sexta-feira (7); entenda porquê a cantora está regravando seu catálogo Taylor Swift lança regravação de álbum ‘Speak Now’ com músicas novas
divulgação
“Se você souber tão claramente o que precisa dizer, saberá. Acho que você não deve esperar, acho que você deveria speak now.” Desde 2010, fãs de Taylor Swift escutam essa frase tão emblemática, seja no livreto que acompanha o CD físico à abertura da turnê do ano seguinte. E agora, depois de toda a briga por direitos autorais, chegou a vez do terceiro álbum da cantora ganhar uma nova versão.
Para adquirir os direitos sobre seu catálogo, Taylor Swift decidiu regravar todos os seus álbuns e relançá-los com a adição do título “Taylor’s Version” (em tradução: a versão da Taylor) em seu nome, mostrando assim que esses novos discos pertencem mesmo a ela. E por isso que 13 anos depois de seu lançamento original, nesta sexta-feira (7), swifties – como são chamados os fãs da cantora – já acordaram com o “Speak Now (Taylor’s Version)” disponível em todas as plataformas de áudio.
Viu isso?
Confira 10 curiosidades sobre “Speak Now”
Nova versão de “Speak Now” da Taylor Swift terá 6 músicas inéditas
divulgação
1. Ao longo de dois anos, Taylor compôs cerca de 40 músicas para o álbum, mas a versão oficial de 2010 tem 14 músicas e a versão deluxe tem 17. Agora, o novo lançamento ainda inclui mais 6 músicas inéditas: Eletric Touch (feat. Fall Out Boy) (From The Vault), When Emma Falls In Love (From The Vault), I Can See You (From The Vault), Castles Crumbling (feat. Hayley Williams) (From The Vault), Foolish One (From The Vault) e Timeless (From The Vault). “From The Vault” seria algo como “diretamente do cofre”, expressão usada para identificar as músicas inéditas que estavam guardadas.
2. Taylor já revelou que o título original era para ser “Enchanted”, como uma das músicas, mas trocou por “Speak Now” por refletir melhor o conceito que ela queria dizer com o álbum.
Taylor Swift quase chamou álbum de “Enchanted” em 2010
divulgação
3. A música “Enchanted” foi escrita em 45 minutos e Taylor originalmente queria chamá-la de “Wonderstruck”, que acabou sendo o nome de seu primeiro perfume, lançado na época deste álbum.
4. O vestido que a Taylor usa na capa tradicional foi pintado digitalmente de roxo, o original era vermelho. A versão deluxe do disco traz o visual vermelho.
Versão deluxe do álbum “Speak Now” (2010) de Taylor Swift
divulgação
5. Taylor contou em entrevista uma vez que estava no banheiro masculino (por acidente) do aeroporto quando escreveu “Sparks Fly” sobre uma toalha de papel. Ela terminou a canção em três dias, compondo o final no ônibus da “Fearless Tour”.
6. Todas as músicas do “Speak Now” foram compostas inteiramente por Taylor, em resposta aos críticos que alegavam que ela não escrevia suas próprias canções e que o sucesso se devia aos compositores masculinos que escreveram com ela.
Taylor Swift aparece compondo em seu quarto no clipe de “Back To December”
reprodução
7. O álbum alcançou o número 1 na Billboard 200, a principal parada de discos dos Estados Unidos, e todas as músicas da versão oficial do CD entraram na Billboard Hot 100, o chart de singles, em 10 de abril de 2010, tornando-se o primeiro álbum feminino a fazê-lo.
8. No 54º Grammy Awards, “Speak Now” recebeu três indicações, incluindo uma de Melhor Álbum Country. O terceiro single do disco, “Mean”, ganhou o prêmio Grammy de Melhor Canção Country e Melhor Performance Solo Country em 2012.
Taylor Swift no Grammy’s em 2012 recebeu dois prêmios
reuters
9. “Speak Now (Taylor’s Version)” é o 13º álbum de estúdio lançado em na carreira de Taylor, 13 anos depois da primeira vez que chegou ao público (2010). 13 é o número da sorte da cantora, que faz aniversário no dia 13 de dezembro.
10. O título original de “Long Live” era “Long Live (and will be remembered)”. Taylor escreveu essa música, que fala sobre o relacionamento que tem com os fãs, no último show da “Fearless Tour” em um corredor.
Taylor Swift na sua turnê do álbum “Speak Now” em 2011
divulgação/TAS
Mas peraí, não entendeu o motivo da regravação?!
A gente explica! A questão começou em 2018, com o fim do contrato entre a cantora e sua primeira gravadora, Big Machine Records, sob a qual produziu seis álbuns: “Taylor Swift” (2006), “Fearless” (2008), “Speak Now” (2010), “Red” (2012), “1989″ (2014) e “Reputation” (2017).
Para entender a confusão, é preciso esclarecer um ponto: os fonogramas, ou “masters”, no termo em inglês, são as gravações em si de uma música. A letra e composição musical de uma obra, no entanto, podem ser separadas contratualmente dos fonogramas (que é o caso de Taylor).
Taylor Swift na capa do álbum “RED (Taylor’s Version)”
Reprodução/Instagram
Em 2019, após assinar com a Universal Music, Taylor continuou em posse de suas letras e melodias. Só que, no mesmo ano, a sua primeira gravadora foi vendida para o empresário Scooter Braun, com quem a cantora não se dá nada bem. Xi…
Por conta disso, Taylor tentou comprar de volta os direitos de seus fonogramas originais e não conseguiu. O resultado? Ela anunciou que regravaria todos os seus trabalhos que estivessem em posse de Scooter e cumpriu a promessa: “Speak Now” é a terceira regravação, depois de “Red” e a nova versão de “Fearless”.
Taylor Swift usa vestido Zuhair Murad no set Speak Now da The Eras Tour
Getty Images
Taylor Swift no Brasil com músicas novas
Este ano, o sonho de milhares de swifties finalmente será realizado! Taylor Swift fará três shows da “The Eras Tour” no Rio de Janeiro, nos dias 17, 18 e 19 de novembro, no Estádio Nilton Santos (Engenhão), e três em São Paulo, nos dias 24, 25 e 26 de novembro, no Allianz Parque. Os ingressos já estão todos esgotados e foi dada largada na contagem regressiva.
A abertura dos shows será de Sabrina Carpenter, que esteve recentemente no Brasil para o Festival Mita. Com o lançamento da regravação de “Speak Now”, fãs apostam que a loirinha incluirá novas músicas no setlist para as datas na América Latina.
+ Saiba mais informações sobre os shows de Taylor Swift no Brasil
As apresentações da cantora e compositora norte-americana estão sendo bastante aguardadas pelo público, uma vez que ela só esteve no Brasil em 2012, em performance do famoso álbum “Red”. Na época, no entanto, o show foi privado e contou contou com apenas sete faixas, incluindo um dueto com Paula Fernandes da música “Long Live”.
Taylor Swift e Paula Fernandes em show no Rio, em 2012
Manuela Scarpa/ Foto Rio News
Já em 2020, data que marcaria seu retorno ao país, Taylor precisou cancelar os shows devido à pandemia da COVID-19.
Initial plugin text
Taylor Swift traz “The Eras Tour” ao Brasil em novembro
reprodução/instagram
+ gshow
Mais Lidas

Veja também  Agatha tira grana de Antônio, Aline arma barraco com Graça e mais: as reviravoltas de Terra e Paixão

Powered by WPeMatico

Origem da Noticia
https://gshow.globo.com/tudo-mais/pop/noticia/taylor-swift-lanca-regravacao-do-album-speak-now-com-6-novas-musicas-veja-curiosidades.ghtml
Autor:

%d blogueiros gostam disto: